terça-feira, 30 de junho de 2015

SKAGEN - DINAMARCA

Skagen é a cidade mais ao norte da Dinamarca e da área circundante. Ela está localizada na costa leste da península de Skagen Odde no norte da Jutlândia, que faz parte do município de Frederikshavn, 108 Km a nordeste de Aalborg. Com o seu porto bem desenvolvido, Skagen é o principal porto de pesca da Dinamarca e tem uma indústria de turismo florescente, que atrai cerca de 2 milhões de pessoas a cada ano também.
Originalmente, o nome foi aplicado à península, mas geralmente se refere agora à própria cidade. Skagen começou a Idade Média como um vilarejo de pescadores, famoso por sua indústria de arenque. Com as suas paisagens, pescadores e a luz à noite, no fianl do século XIX, tornou´se popular com um grupo de artistas impressionistas, agora conhecido como os pintores de Skagen. Em 1879, foi criada a Associação de Pescadores de Skagen para facilitar o comércio da indústria de pesca local, que foi inaugurada em 1890. O moderno porto de Skagen iniciou suas operações em 20 de novembro de 1907 e com as ligações ferroviárias para Frederikshavn e para o resto da Dinamarca, o turismo começou a se desenvolver.










segunda-feira, 22 de junho de 2015

ESTOCOLMO - SUÉCIA

Em Estocolmo, o antigo é exótico e o novo é revigorante.

Na foz do Lago Malaren estão as 14 ilhas de Estocolmo. E isso não é nada. O porto abre-se para 24.000 ilhas, tornando a chegada na capital da Suécia realmente especial. Os vikings passaram por este arquipélago muito tempo atrás, mas a história oficial começa em 1252 quando o forte foi construido. Uma cidade cresceu ao redor dele e se expandiu quando a Suécia se tornou uma grande potência báltica. Com Gustav III, a cidade começou a florescer culturalmente...e nunca mais parou. Além disso, esta é a cidade da ópera, do cristal de design espetacular e das cerimônias do Premio Nobel. É também um dos destinos escandinavos mais procurados. Com seus inúmeros parques, praças arborizadas e agradáveis paisagens aquáticas, é fácil saber por que.
Explore Gamla Stan, a antiga cidade medieval e visite a magnifica prefeitura. Faça uma tranquila caminhada por Haga Park, considerado um dos mais belos parques em estilo inglês do mundo. O palácio real Drottningholm é absolutamente maravilhoso. E, para ter uma experiência única, conheça o bar de gelo no Nordic Hotel, mantido abaixo de zero durante todo ano.






 O Museu do Vasa e Museu Nordico são duas atrações que merecem ser visitadas.Pesquise antes a história desse museu, assim a visita fica mais interessante.
http://www.vasamuseet.se/sv/Sprak/Portugues/
Foto do navio Vasa reconstruído.

Detalhe em corte do interior do navio

Museu do Vasa

Museu do Vasa


terça-feira, 2 de junho de 2015

TALIN - ESTÔNIA

Uma verdadeira beleza Báltica
Se houvesse um concurso para eleger a mais bela cidade medieval do Báltico, certamente Talin venceria. Não somente por suas belas paisagens, mas por envelhecer de forma tão graciosa. A cidade antiga de Talin, com suas torres espirais góticas, as antigas torres de sino e as ruas sinuosas, talvez seja a mais bem preservada deste tipo em toda a Europa. Na Idade Média, Talin foi dividida em duas partes : Toompea, com suas fortalezas administradas pelos Cavaleiros Teotônicos e a Cidade Baixa, habitada por mercadores de Jansa. Todo o distrito histórico conseguiu preservar o seu charme através do domínio Sueco e Soviético e, mesmo hoje em dia, coexiste em perfeita harmonia com uma Talin totalmente moderna.
A capital fascinante da Estônia possui vários parques, cafés, atividades esportivas e lojas. Depois de ter explorado a cidade antiga e todos os seus locais históricos, visite as deslumbrantes áreas vizinhas. Suba em uma bicicleta e pedale até a pitoresca Kakumae. Percorra os pântanos intocados do parque Pohja-Korvemaa. Ou aprecie as maravilhas naturais e feitas pelo homem no Kariorg, antigo palácio de Pedro, o Grande.

















segunda-feira, 1 de junho de 2015

SÃO PETERSBURGO - RUSSIA


Inspirado por suas viagens através da Europa, Pedro, o Grande, partiu para criar uma grande cidade portuária - "A janela para o oeste" da Rússia. Em 1703, a primeira fortaleza foi erguida no Rio Neva. Fachadas neoclássicas, catedrais com cúpulas e residências barrocas foram construídas ao longo dos canais da cidade. Em 1712, a capital passou de Moscou para São Petersburgo. Depois, Catarina, A Grande, continuou o sonho, construindo palácios, parques e praças ainda mais elaborados, todos projetados por arquitetos franceses e italianos. mas, diante de toda essa opulência, revoltas sociais tiveram início, originando o Partido Comunista de Lênin. Foi assim que a revolução começou... e também como teve seu fim. Atualmente, São Petersburgo está novamente em transformação, sempre receptiva a novas ideias e buscando inspiração.
O museu Hermitage possui uma das maiores coleções de arte do mundo, embora o próprio prédio já seja uma obra de arte. Outro lugar que voce deve visitar é Peterhof, a luxuosa residência de verão dos czares. Após ter visto todos os palácios e catedrais possíveis em um dia, conheça a vida social sofisticada de São Petersburgo.
Com seu labirinto de canais, elaboradas catedrais e residências extraordinárias, São Petersburgo tem uma arquitetura manifestamente irretocável. A Cidade como um todo é visualmente impressionante em cada uma de suas fachadas neoclássicas. E, mesmo que só percorra um ou dois dos inúmeros palácios da cidade, você atingirá sua cota de visita aos mais prodigiosos marcos arquitetônicos do mundo. É absolutamente obrigatória uma visita ao Palácio de Inverno, ao Museu Hermitage e ao impressionante Palácio Peterhof. A catedral de São Isaac tem o maior domo do mundo e, entre as igrejas cristãs ortodoxas russas, a Igreja do Sangue Derramado é extraordinária. Vale uma visita no seu interior que é totalmente construída em mosaico.
Reserve um tempo para fazer compras, comer alguma coisa e apreciar o cenário sofisticado. Lembranças típicas como a bonequinha matryoshka, o ovo faberge e uma bela caixa de laca voce encontra com facilidade. Não deixe de provar o clássico blini russo coberto de caviar. Há uma imensa quantidade de restaurantes grandiosos e sofisticados. E, para uma atmosfera mais boêmia, visite um dos vários cafés e casas de chá da cidade. Não deixe de comer strogonoff e tomar uma vodka.

Igreja do Sangue derramado
A vista externa já é um espetáculo a parte porém o interior é indescritível. A entrada é paga ( 18 euros ) e compensa cada centavo.
Interior da Igreja do Sangue derramado

Detalhe do mosaico
O interior da Igreja do Sangue derramado é inteiramente feito em mosaico.


Esqueça as placas
Tentar descobrir os lugares lendo as placas ou seguindo um mapa já é uma aventura a parte.
Acessibilidade de primeiro mundo

Interior de uma estação de metrô

Metro de São Petersburgo

O sol que nunca se põe