quarta-feira, 1 de julho de 2015

HELSINKI - FINLÂNDIA

Em 1550, o Rei da Suécia teve grandes sonhos para a recém-inaugurada cidade de Helsinki. Infelizmente, uma série de incêndios desastrosos, pragas e guerras impediram que a cidade crescesse, até que uma nova série de eventos mudasse a história para sempre. Depois que a Rússia derrotou a Suécia e anexou a Finlândia em 1809, o czar Alexander I mudou a capital, e a universidade, de Turku para Helsinki. A cidade floresceu, mas o reinado russo não vigorou por muito tempo. Os finlandeses declararam a independência em 1917, mantiveram uma guerra civil devastadora e emergiram com um novo governo republicano. Desde então, Helsinki é a capital cintilante.
Reconhecida por sua arquitetura graciosa e seus jardins elegantes, Helsinki é um local fascinante a se explorar. A fortaleza da ilha, Soumenlinna, é o maior legado sueco, enquanto o estilo neoclássico da Praça do Senado não deixa dúvidas de sua influência russa. A art nouveau finlandesa também define em grande parte o cenário urbano. Mas o que realmente simboliza Helsinki é a fonte da pequena sereia, próxima ao mercado do peixe. Uma das melhores formas (e mais ativas) de conhecer todos esses locais é o Jopo, a famosa bicicleta finlandesa. Outra opção é aventurar-se ainda mais optando por uma caminhada nórdica.




Igreja de São João - Helsinque - Finlândia - Luterana



Catedral Evangélica Luterana de Helsinque.
Catedral Evangélica Luterana Helsinque, localizada na Praça do Senado no centro de Helsínquia, Finlândia.
Construída originalmente em 1830-1852 no estilo neoclássico,em homenagem ao Grão-Duque, Nicholas I, o Czar da Rússia. 





Conhecida como Igreja de Pedra de orientação Luterana, foi construida dentro de uma rocha e coberta com uma cúpula que foi projetada para valorizar a entrada de luz natural. Tem excelente acústica e constantemente é local de concertos.
A entrada é gratuita e os horários para visita podem variar de acordo com determinação da administração.
Aberto:
Segunda e Quarta 10,00-17,00
Terça 10,00-12,45 e 14,15-17,00
Quinta e Sexta 10,00-20,00,
Sábado10,00-18,00
Domingo 11,45-13,45 e 15,30-18